Trabalhadores do mundo, apoiam a greve dos trabalhadores na França

Publié le par la Rédaction

Desde um mês e meio, os trabalhadores na França mobilizaram-se contra a suposta “a reforma” das reformas. Vimos manifestações com até à 3,5 milhões de pessoas nas ruas, greves em milhares de empresas e lugares de trabalho, bloqueios rodoviários diários em todos os centros econômicos e impressionante a greve das refinarias de petróleo, apoiada por toda a classe operária francesa para criar a escassez de petróleo. Mas agora, este movimento tem necessidade da solidariedade dos trabalhadores do mundo inteiro.

 

Na França, estar em greve, significa que perde-se o seu salário, porque não há tradição de caixa de greve ou de sindicatos assumindo seu pagamento. É um problema essencial para a greve, porque muitos pessoas têm tendência “a delegar” outros setores para fazer greve em seu lugar. Mas agora, alguns sindicatos e organizações operárias começaram a lançar fundos de solidariedade para garantir semanas ou meses, se necessário.

 

O governo Sarkozy tenta evitar o bloqueio petroleiro, porque teme a paralisia econômica total. Emprega todos os meios para isto, incluindo a importação de petróleo refinado em outros países. Já, o sindicato CGSP na Bélgica declarou que chamaria à greve para impedir qualquer tentativa de importar gasolina da Bélgica ou através da Bélgica, para ajudar os trabalhadores franceses a barrar o governo Sarkozy.

 

No Brasil e na Inglaterra, trabalhadores organizaram manifestações em frente das embaixadas da França para exprimir o seu apoio aos trabalhadores franceses. Organizações operárias enviaram mensagens de solidariedade. É importante organizar a solidariedade mundial dos trabalhadores, porque a nossa classe enfrentam as mesmas lutas no mundo inteiro.

 

É por isso que chamamos as organizações operárias do mundo:

— Exprimir a sua solidariedade com o movimento de greve em França. 
— Organizar manifestações oposto das embaixadas, consulados ou empresas francesas. 
— Chamar à greves contra qualquer tentativa de exportar petróleo para a França e bloquear estas exportações. 
— Ajudar financeiramente os trabalhadores agrava nos sectores mais estratégicos (refinarias e os outros setores que têm um forte impacto econômico).

 

Iniciativa comunista-operária (Initiative Communiste-ouvrière) - Workers Party in America - Red Star Society of the United States.

 


Publié dans Colère ouvrière

Commenter cet article