Le sarkozysme est un vichysme honteux

Publié le par la Rédaction


«Tout le monde sait que le vichysme est un fascisme honteux, couard, soumis, qui n’a pas le courage de dire clairement où il veut en venir. Mais c’est un fascisme. Quant au sarkozysme, c’est un vychisme honteux. Mais c’est un vychisme.»

Romain Dunand condenado a pagar indenização de 800 euros por lutar contra a política vichysta de Sarkozy


O camarada Romain, militante da Confederação Nacional do Trabalho (CNT) francesa e da Rede Educadores sem Fronteiras (RESF), foi condenado pela justiça francesa, em fevereiro deste ano, a pagar uma indenização de 800 euros por haver enviado em 2006 um telegrama a Sarkozy, quando este ainda era ministro do interior, protestando contra a prisão de um companheiro da RESF, que, por sua vez, havia sido preso por protestar contra a expulsão de um trabalhador migrante. No telegrama, Romain dizia: “Eis aí portanto Vichy que retorna. Pétain esqueceu seus cachorros”, além de considerar que a política de Sarkozy era uma “política que é preciso qualificar de racista”. Ele conclui o telegrama com “saudações antifascistas”, o que deve ter particularmente irritado o atual Presidente francês. (
Sobre as manifestações de solidariedade a Romain).

Todo mundo sabe que é o vichysmo é um fascismo envergonhado, covarde, submisso, que não tem coragem de dizer claramente o que quer e pretende. Mas é fascismo. Já o sarkozysmo é, por sua vez, um vichysmo envergonhado. Mas é vichysmo.

De nossa parte, mais uma vez e sempre, solidariedade ao camarada Romain! Abaixo o racismo, o fascismo, o vichysmo!

Emiliano Aquino, 21 avril 2008

Publié dans Solidarité

Commenter cet article